<b>Políticas, concepções e ações de extensão na educação superior brasileira</b>

Autores

  • Gionara Tauchen
  • Maria Cecília Madruga Monteiro
  • Tatiane Vedoin Viero

Palavras-chave:

Universidade. Extensão. Educação

Resumo

O presente estudo analisa as concepções e políticas de extensão no Brasil e investiga os impactos do Programa de Extensão Universitária (ProExt) para a institucionalização da extensão universitária. A pesquisa caracteriza-se como qualitativa, do tipo documental, realizada por meio da Análise de Conteúdo. Foram analisadas legislações referentes à Educação Superior e os projetos e programas submetidos ao ProExt nas edições de 2009 e 2010. Os resultados expressam grande aproximação das atividades de extensão com as atividades de ensino, maior expressividade na Linha Temática Educação, Desenvolvimento Social e Saúde e grande ênfase à qualificação de professores que atuam no sistema educacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gionara Tauchen

Doutora em Educação. Instituto de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação e Programa de Pós-Graduação em Ciências: Química da Vida e Saúde

Maria Cecília Madruga Monteiro

Programa de Pós-Graduação em Ciências: Química da Vida e Saúde

Tatiane Vedoin Viero

Programa de Pós-Graduação em Ciências: Química da Vida e Saúde

Downloads

Como Citar

Tauchen, G., Monteiro, M. C. M., & Viero, T. V. (2013). &lt;b&gt;Políticas, concepções e ações de extensão na educação superior brasileira&lt;/b&gt;. Momento - Diálogos Em Educação, 21(1), 9. Recuperado de https://seer.furg.br/momento/article/view/2390

Edição

Seção

Artigos