Submissões

Submissões Online

Já possui um login/senha de acesso à revista Momento - Diálogos em Educação?
Acesso

Não tem login/senha?
Acesse a página de cadastro

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso.

 

Diretrizes para Autores

Normas editoriais para publicação na Revista Momento: Diálogos em Educação nas modalidades:

Submissões em fluxo contínuo.
Dossiês temáticos.
Resenhas
Relatos de experiências
Ensaio

Como parte do processo de submissão, ficam os/as autores/as responsabilizados/as a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens nas Normas gerais para publicação na Revista Momento: Diálogos em Educação. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão arquivadas automaticamente.
Critérios iniciais
1. A contribuição deve ser original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista. No ato da submissão, o/a autor deverá indicar por meio de mensagem pelo sistema a modalidade a qual destina-se o artigo. Na ausência do comunicado, a equipe editorial tomará a decisão.

2. A submissão deve possuir no máximo 3 autores/as, dos quais no mínimo um/a deve possuir obrigatoriamente o doutorado concluído.

3. Os arquivos para submissão deverão estar em formato Microsoft Word.

4. A identificação de autoria do trabalho deverá ser removida do arquivo e da opção Propriedades no Word, garantindo desta forma o critério de sigilo da revista, caso submetido para avaliação por pares (ex.: artigos), conforme instruções disponíveis em Assegurando a Avaliação por Pares às Cegas.

5. Por política editorial, não aceitamos a publicação de mais de um artigo do/a mesmo/a autor/a ou co-autor/a no mesmo ano. Devido a isto, solicita-se o envio de apenas UM artigo do mesmo autor/a ou co-autor/a anualmente. Caso o/a autor/a ou co-autor/a envie mais de um, consideraremos apenas o primeiro enviado e arquivaremos os demais.  

6. Sobre endogenia: Visando atender aos critérios de avaliação dos periódicos científicos adotados pelas bases indexadoras mais conceituadas, a Revista Momento: Diálogos em Educação limita-se a publicar anualmente no máximo 20% do número de artigos cujos autores/as ou Co-autores/as sejam vinculados a FURG. Além disso, cada autor/a deve aguardar o intervalo de 2 (dois) anos entre publicações. Caso o limite temporal não tenha sido atingido, os demais artigos com autores/as e/ou co-autores/as vinculados a FURG serão rejeitados, podendo ser submetidos novamente após o período informado.

Apresentação formal das submissões
7. Para submissão de artigos na Revista Momento: Diálogos em Educação, é necessário o preenchimento de todos os campos solicitados. Artigos com campos deixados em branco, correm o risco de não serem avaliados. No formulário de submissão é indispensável preencher os campos “URL” (com o link para o currículo Lattes), “Instituição/Afiliação” (em até 3 linhas), “Resumo da biografia” (constando a formação e titulação em até 3 linhas) e “Mensagem à Equipe Editorial” (informando a modalidade a qual destina-se o artigo).

8. O artigo submetido à Revista Momento: Diálogos em Educação é configurado para papel A4, observando as seguintes indicações: margem direita/superior/inferior 2,5 cm; margem esquerda 3,0 cm; fonte Times New Roman no corpo 12, com espaçamento entre linhas 1,5 cm. Não utilize espaçamento entre parágrafos. 

9. O artigo INÉDITO (português ou espanhol) deve possuir entre 15 e 20 laudas e deve constar de título em português e espanhol ou inglês, e resumo também em português e espanhol ou inglês O resumo deve ter em torno de 10 linhas ou 130 palavras, com indicação de três palavras-chave (que também devem ser apresentadas em português e espanhol ou inglês). As normas presentes neste item servem a modalidade Ensaio.

10. A resenha crítica de livro deve possuir entre 3 e 6 laudas e constar a referência completa do livro. Serão avaliadas apenas resenhas de obras que apresentem contribuições à formação de professores/as e ao cotidiano escolar no contexto de diferentes níveis de ensino e que sua publicação seja do mesmo de submissão do artigo.

11. O relato de experiência destina-se exclusivamente a docentes da educação básica e que estejam sem vínculos a programas de pós-graduações. Ele deve possuir entre 5 e 8 laudas, contando com resumo em português ou espanhol e referências. Serão avaliados apenas relatos de experiências que apresentem contribuições à formação de professores/as e ao entendimento do cotidiano escolar.

12. Os subtítulos “Introdução”, “Fundamentação”, “Metodologia”, “Resultados e discussão” e “Considerações finais” poderão ser substituídos por outros equivalentes ou mais adequados à abordagem epistemológica-metodológica do trabalho. No entanto, é fundamental que independente do subtítulo, o artigo explicite abordagem metodológica, objetivos e justificativa, e inclua ao final o subtítulo “Referências”. Os artigos escritos em português deverão obrigatoriamente respeitar as normas da ABNT para a elaboração do subtítulo “Referências” e citações no corpo do artigo, abrindo precedente para as normas da APA em tratando-se de artigos escritos em espanhol.

13. Todos os endereços de páginas na Internet (URLs), incluídas no texto (Ex.: http://www.ibict.br) estão ativos e prontos para clicar.

14. As figuras devem ser incorporadas ao texto com as respectivas legendas.

15. A elaboração dos textos em língua portuguesa e espanhola é de inteira responsabilidade do/a autor/a, cabendo a autoria a revisão do uso formal da língua. A observação do desrespeito desta norma também poderá resultar no arquivamento do artigo.

16. Nas citações (a partir de quatro linhas), o recuo é de 4 cm da margem esquerda, o espaçamento é simples e a fonte, 11. 

17. As menções de autores/as no texto escritos em português subordinar-se-ão as Normas Técnicas da ABNT ─ NBR 10520, agosto 2002. Exemplos: 

Garcia (2001, p. 68); (GARCIA, 2001) e (GARCIA, 2001, p. 73).

18. As notas devem ter caráter unicamente explicativo e constar como nota de rodapé. 

19. Registrar, nas referências, SOMENTE, os/as autores/as citados/as no corpo do texto. 

20. As referências no final do texto precisam obedecer às Normas Técnicas da ABNT, NBR 6023, agosto 2002. Exemplos: 

Livro 

ARROYO, Miguel. Currículo, território em disputa. Petrópolis-RJ: Vozes, 2011.
LOURO, Guacira Lopes. Viajantes pós-modernos II. In: MOITA LOPES, Luiz Paulo.; BASTOS, Liliana Cabral. Para além da identidade: fluxos, movimentos e trânsitos. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2010, p. 203-214.

Periódico

WALSH, Catherine. Interculturalidad, Plurinacionalidad y Decolonialidad: Las Insurgencias Político Epistémicas de Refundar el Estado. Tabula Rasa. Bogotá - Colombia, No.9: 131-152, julio/diciembre 2008.
Tese e dissertação: 
OLIVEIRA, Luiz Fernando de. Histórias da África e dos Africanos na Escola: as perspectivas para a formação dos professores de história quando a diferença se torna obrigatoriedade curricular. 2010. 252f. Tese (Doutorado em Educação) – Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio, 2010.

21. Escrever o primeiro nome e o último sobrenome completo do/a(s) autor(es/as) na referência. 

22. Antes do envio para os/as pareceristas/as, o artigo deverá estar em consonância com o que prescreve estas Normas Gerais. 

• O processo de avaliação e publicação
Os artigos, resenhas e relatos de experiências submetidos passam por três fases:
A primeira consiste na triagem realizada pela Equipe Edição, que examinam a adequação do trabalho à linha editorial da revista e às normas de publicação, bem como a contribuição e qualidade do artigo para a revista, e o potencial de publicação. Verificamos todos os trabalhos com software anti-plágio CopySpider. Nesta etapa, a situação da submissão no sistema é “Aguardando designação”. Trabalhos considerados inadequados são rejeitados nesta etapa.

Na segunda fase, os trabalhos que passaram pela triagem inicial sem serem rejeitados são encaminhados para a avaliação por pares às cegas. Nesta etapa, a situação da submissão no sistema é “Em avaliação”. Após o parecer dos/as avaliadores/as, a decisão final volta a Equipe Editorial. Três decisões são possíveis: 

A. A submissão é rejeitada e fundamentada com parecer dos/as avaliadores/as;
B. a submissão é aceita sem correções;
C. são solicitadas correções que devem ser atendidas em determinado prazo, e serão novamente avaliadas para aceite ou rejeição definitivos.
Os trabalhos aceitos no processo de avaliação passam à etapa de edição, para os ajustes finais da publicação.
Com o sistema duplo-cego (blind review), os nomes dos/as pareceristas permanecerão em sigilo, omitindo-se também destes os nomes dos/as autores/as. Portanto, ao submeter o artigo no sistema, é indispensável o anonimato de autoria. Em hipótese alguma, o/a(s) autor(es/as) pode(m) se identificar no corpo do texto.

Caso necessário, o artigo aprovado será submetido a pequenas correções visando à melhoria do texto. 

À Revista Momento: Diálogos em Educação, ficam reservados os direitos autorais no tocante a todos os artigos nela publicados.

No caso de artigo desclassificado em qualquer critério previsto conforme Normas da Revista, o mesmo deverá ser novamente submetido.

 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou à terceiros.