<b>A importância das neurociências na formação de professores</b>

Autores

  • Fiderisa da Silva
  • Carlos Richard Ibañez Morino

Palavras-chave:

Cérebro. Neurociência. Educação. Professores.

Resumo

Este artigo em Ciências da Educação é sobre “Educação e Neurociência” com objetivo de mostrar às comunidades acadêmicas, profissionais da área e sociedade em geral a importância do conhecimento e aplicação dos dados dos estudos sobre o cérebro para a formação de professores. Assim como apresentar alguns dos mais importantes acontecimentos em neurociência cognitiva nesses últimos anos referentes à formação de educadores. Trata-se de um estudo baseado e fundamentado em uma pesquisa bibliográfica-descritiva com enfoque qualitativo de neurocientistas que desempenham funções de pesquisadores e docentes, tais como: BLAKEMORE, S., FRITH, U. (2000), SALAS, R. (2007), SHERIDAN, K., ZINCHENKO, E., GARDNER, H. (2005) dentre outros. Para elaboração desse artigo, se utilizam várias fontes bibliográficas e iconográficas obtidas junto às bibliotecas, acervo próprio, dentre outros. Conclui-se mostrando que Neurociência Educacional (NE) logo será uma realidade na formação de professores e isto será um desafio para todos os envolvidos no processo de ensino-aprendizagem. PALAVRAS-CHAVE: Cérebro. Neurociência. Educação. Professores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fiderisa da Silva

artigo em ciências da educação

Downloads

Como Citar

Silva, F. da, & Morino, C. R. I. (2013). &lt;b&gt;A importância das neurociências na formação de professores&lt;/b&gt;. Momento - Diálogos Em Educação, 21(1), 29. Recuperado de https://seer.furg.br/momento/article/view/2478

Edição

Seção

Artigos