[1]
G. . Silveira Martins, “REPENSANDO A AUTOFICÇÃO A PARTIR DA OBRA E SE EU FOSSE PURA (2018), DE AMARA MOIRA: Rethinking autofiction through E se eu fosse pura (2018), by Amara Moira”, CL, vol. 28, nº 1, p. 34–42, dez. 2021.